RECURSÃO de Blake Crouch


#Recursão de Blake Crouch

Recursão de Blake Crouch é um ótimo livrinho de ficção científica que traz uma nova ideia sobre o já batido tema de viagens no tempo


Hoje vamos falar de um livro muito legal que traz uma ideia interessante sobre o conceito de viagem no tempo.


Vamos sortear esse livro para nossos inscritos! Sim, para participar é bem fácil, assista ao vídeo e saiba como!


Blake Crouch é conhecido por ser o autor do livro Matéria Escura, que eu não li. Inclusive, uma das formas de divulgação é: Do mesmo autor de matéria escura.


Blake tem uma escrita moderna que eu adoro. Quando eu escrever um livro de ficção científica, quero que seja assim: “simples”, entre aspas. Não é necessário palavras difíceis, conceitos psicológicos, nem nada. Basta você ter uma história para contar. E ele tem!


A história dele é bem legal. O livro gira em torno de dois personagens: Helena e Barry. Fiquem tranquilos que não vou dar spoilers. Helena é uma cientista que inventa uma máquina do tempo e Barry é um policial. Parece meio batido, né? Histórias sobre viagem no tempo existem várias, contudo, Blake conseguiu aventar alguma novidade para o assunto.


Primeiro porque a máquina que Helena inventa, na realidade, é uma máquina para se explorar memórias. Então assim, você tem que ter uma memória forte o suficiente, de algum acontecimento, pode ser uma memória afetiva, pode ser algo mais brusco como um acidente, ou uma dor… enfim, importa o número de sinapses que essa memória gera, aí você transfere essas sinapses para um computador e morre e uma bacia de água… bem, basicamente, é isso. Quando você está quase morrendo, seu cérebro lança o DMT, que é uma substância psicodélica produzida pelo próprio corpo e é liberada na hora da morte. Aí a máquina faz alguma coisa com a sua memória e você é transportado para lá. Para aquele momento de consciência. Você, de hoje, assume o controle da sua consciência de então.


Meio viagem, né? Viagem mesmo… achei essa parte meio esquisita, mas beleza, porque é só uma justificativa para duas coisas que a história precisa: 1. A viagem no tempo e 2. A questão da memória. Quando você viaja no tempo, você começa a alterar a realidade. Então as memórias antigas, que foram vividas, continuam na lembrança das pessoas que viveram, mas como um borrão, uma imagem, como se fosse um sonho e as novas memórias são feitas.


Por exemplo, você tem um amigo que sofreu um acidente de carro, então você volta no tempo hoje e impede que ele sofra o acidente. Essa nova realidade foi formada e todo mundo segue a vida. Contudo, você se lembra da realidade antiga, mas beleza, vai fazendo uma nova vida e tudo vai mudando. Vamos supor que você tenha viajado 3 anos atrás. Quando chegar o dia de hoje, depois desses três anos, seu amigo vai lembrar que morreu em um acidente de carro, pois as linhas do tempo vão se fundir neste marco zero, na viagem que você fez.


Esse é o lance do livro. Só que as coisas se complicam… e muito… e isso é o mais legal! Pra reajustar uma realidade, as pessoas vão criando outras, e mais e mais linhas de realidade vão se fundindo. Por isso que o título do livro é recursão que significa: ação de reajustar.


Essa nova ideia sobre viagem no tempo é interessante e gera muitas implicações, o que é muito bom para a história. E aí tem o final, né? Mas não vou falar dele, se ficou interessado sugiro que leia o livro.


Como disse, fiquei muito feliz com o livro. É um autor moderno. Ele já tem uma série, até famosa, na televisão, a Wayward Pines. Dá pra perceber no livro que RECURSÃO bem que pode ser uma série também. Ele desenvolve a história de forma bem dinâmica e visual, o que, particularmente, gosto muito.


Esse tipo de ficção moderna acredito ser uma porta de entrada e uma opção. Uma entrada para um mundo de leitura que cada vez mais compete com outros tipos de mídia e uma opção para nós, escritores, que podemos ver o nosso trabalho em outros meios, como a TV.


Então fica a dica para quem quer escrever um livro que seja interessante, moderno e visual: Recursão de Blake Crouch. E para quem gosta de ficção científica, também fica a indicação, uma nova história para o formato de viagem no tempo, muito bom!


É isso, um grande abraço, boa sorte e até a próxima, valeu!

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
  • YouTube
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter